Feira Noturna do Produtor Rural de Santos Dumont completa 1 ano de muito sucesso

hhhh

 

Feira Noturna do Produtor Rural de Santos Dumont completa 1 ano de muito sucesso

            A Feira Noturna do Produtor Rural de Santos Dumont completa hoje, 31/10, o seu primeiro ano de funcionamento.   Criada com o objetivo de ser um espaço  de apoio e incentivo aos produtores rurais na comercialização de seus produtos, a feira hoje agrada aos agricultores e muito mais à população que leva pra casa alimentos fresquinhos, de qualidade, e a um preço bem acessível.

            Todas as quartas feiras, na Praça Cesário Alvim, você encontra produtos tradicionais da cozinha, como: verduras, legumes e frutas regionais, e produtos diferenciados como: batata yakon, capuchinha, ora-pro-nobis, bertalha, peixinho, almeirão do governo, serra, taioba, considerados PANC - plantas alimentícias não convencionais e com alto valor nutritivo, regionais e que compõem pratos típicos da nossa região.

            Nas palavras da técnica em agropecuária da Secretaria Municipal de Agricultura, Tatiana Amaral, a Prefeitura quis criar uma oportunidade de venda direta da nossa produção rural para a mesa do sandumonense, eliminado a figura do atravessador, agregando valor aos produtos e valorizando a agricultura familiar e a produção em pequena escala.

            Numa análise técnica das atividades da feira neste primeiro ano, Tatiana ressaltou que dos 30 produtores cadastrados no início da feira, somente dois pediram o seu desligamento por problemas pessoais e o volume arrecadado com as venda foi muito satisfatório para os agricultores, representando uma renda mensal entre os barraqueiros de cerca de R$ 53.200,00. Dinheiro que fica na cidade.

            "Na feira os ruralistas só podem oferecer o que plantam ou fabricam, e ainda recebem orientações técnicas de plantio e produção com o acompanhamento técnico na sua propriedade da Secretaria e da Emater-MG e vistoria da Vigilância Sanitária, parceiros neste trabalho", explicou Tatiana, ressaltando que mais de 20 agricultores estão na lista de espera para participar da feira.

            A lista de produtos alimentícios comercializados na feira é muito extensa: doces, queijos, queijo cobocó, mel, iogurte, biscoitos, bolos, pães, tortas, rapadura, linguiça, garapa e doces, além de rabanete, acelga ou couve-chinesa, manjericão roxo, queijo minas recheado com goiabada, e doce de leite.

            A barraca da Tamiris Silva, muito procurada por seus quitutes feitos com a produção rural da Fazenda Jacutinga, agrada pela fabricação caseira de pães e doces e pelos produtos orgânicos, frescos que vende. Tamiris justifica o sucesso da feira explicando que foi bom para o produtor e para a população que passou a contar com a facilidade das vendas em ponto central e a vantagem de produtos frescos e num preço melhor. "Observamos que o dia e o horário são ótimos e que nosso maior público são as pessoas que trabalham e vem comprar depois do comércio fechado. Além dos trabalhadores que voltam para casa, nosso público é de pessoas idosas, que buscam alimentos e também amizade, curtindo um bom papo na feira", enfatizou Tamiris.

            O 1º ano da feira contou com a presença da secretária Municipal de Desenvolvimento Social Patrícia Aparecida de Almeida que representou o prefeito Betinho no cumprimento aos feirantes, e dos funcionários da Secretaria Municipal de Agricultura que comemoraram o 1º ano da Feira com distribuição de pipoca e algodão doce para a população.

   

 

        Tida Grillo

Jornalismo PMSD

 

Horários de atendimento

Saiba os melhores horários
para entrar em contato conosco

Segunda a sexta: 12hrs às 18hrs 
Final de semana: Fechado

Durante esses horários estaremos à sua
disposição para lhe atender

Nossa sede

  • Demo

    Centro

    Pça Cesário Alvim, 2

Demo

Contato e localização