Resultado Processo Seletivo Simplificado (Cadastro de Reserva)

Resultados do Processo Seletivo Simplificado                                                                                                               

 

Segue abaixo os links para os arquivos:

 

Cargo Técnico em Enfermagem:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NX2l2ZG9Rb1dyMkU/view?usp=sharing

 

Cargo Enfermeiro:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NZ1VILVZoNHUzWlE/view?usp=sharing 

 

Cargo Agente Comunitário:

Boa Vista:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NMGdSNWkxcHJ6MW8/view?usp=sharing

 

Cachoeirinha:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NcEpxM0ZMM2hMQlE/view?usp=sharing

 

Campo Alegre:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NNUNqTm4xNUlhU0U/view?usp=sharing

 

Córrego do Ouro:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NLVBucElIRzAzMEk/view?usp=sharing

 

Dores:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NQV9sTlNITW9uaDQ/view?usp=sharing

 

Formoso:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NUUs4TEFSQ1dSREk/view?usp=sharing

 

Mantiqueira/Patrimônio:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NYXgwbUpXNEpUVjg/view?usp=sharing

 

Nossa Senhora da Glória

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NMFU4RjJyU2Z0bzA/view?usp=sharing

 

Santo Antônio:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NMlhGS0c4VDV1QVU/view?usp=sharing

 

São João da Serra:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NbzBYaEhIdVdqYUU/view?usp=sharing

 

São Sebastião:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NaTFUNnZER0Y2Y0k/view?usp=sharing

 

Vila Esperança:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NZWFzbzZrNEk0TjQ/view?usp=sharing

 

Desclassificados:

https://drive.google.com/file/d/0B-nXKNy-JT6NRGdwSDdVSzVFQnc/view?usp=sharing

 

 

 

 

 

 

 

Palestras abordam a produção artesanal da cerveja

 

A Secretaria de Meio Ambiente, Turismo, Esporte e Lazer, em parceria com o Circuito Turístico Caminho Novo, promoveu na tarde do último dia 26, na Câmara de Vereadores,  o evento "Um Brinde Especial aos Negócios", com palestras envolvendo a produção de cerveja artesanal: "Cerveja um bom negócio" e “Cerveja Artesanal: uma história de sucesso no passado e no presente em Juiz de Fora – 1860 a 2015”.

O projeto “Um brinde Especial aos Negócios” elaborado pelo Circuito Caminho Novo veio a nossa cidade com a parceria da Pillar Eventos e tem como intuito desenvolver a Produção Associada ao Turismo nas cidades integrantes do Circuito Turístico. A produção de cerveja artesanal é uma das opções e aparece como atividade inicial a ser utilizada para atrair visitantes e turistas a nossa região.

A palestra “Cerveja, um bom negócio" foi apresentada pelo empresário Mário Angelo da Timboo Cervejaria de JF, que convidou a todos a entrar no movimento da cerveja, como uma  bebida/ alimento e que significa festa, comemoração e prazer. "Agente motivador de discussões e conversas de bar". Mário ressaltou um pouco da cultura cervejeira, enfatizou a cerveja como ingrediente e deu esclarecimentos de como funciona uma cervejaria sua produção e venda. Encerrando sua fala, Mário lançou algumas idéias a respeito de produtos que agregam valores à cerveja e que podem ser explorados.

  O outro tema: “Cerveja Artesanal: uma história de sucesso no passado e no presente em Juiz de Fora – 1860 a 2015" foi apresentado por Salcio Del Duca da Associação Alemã de Juiz de Fora, que fez uma apresentação histórica da chegada da cerveja em Juiz de Fora e sua incorporação aos costumes locais.

Para o coordenador da Divisão de Turismo Bruno Guilarducci, essa é uma oportunidade importante para todos aqueles que acreditam na ascensão turística da região, como forma de visualização do turismo local e de estruturação de produtos que fortaleçam a identificação regional. "Santos Dumont pode agregar produtos que podem ser vendidos a cerveja como o bom queijo, a cachaça e outras comidas típicas".

O evento contou com a presença da secretária Municipal de Meio Ambiente, Turismo, Esporte e Lazer Cláudia Rocha Jorge, com a presença do vereador José Abud e com a participação de artesãos, produtores rurais, empreendedores e alunos do curso de Turismo do Instituto Federal.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

São João da Serra celebra a Bandeira do Divino

 

            Representantes da Secretária Municipal de Meio Ambiente, Turismo, Esporte e Lazer e da Secretaria de Educação e Cultura prestigiaram a celebração da Bandeira do Divino, no distrito de São João da Serra, na noite do dia 25. A equipe aproveitou para realizar o registro fotográfico e documental do evento.

            A festa do Divino acontece todo mês de maio na comunidade rural e trata-se de uma manifestação religiosa e cultural arraigada no seio da sociedade sandumonense, que exprime de forma majestosa a fé de seus participantes. A cada noite,  o cortejo da Bandeira do Divino passa em três residências de moradores do distrito, abençoando, levando luz e  prosperidade a todos. Dentro do ritual litúrgico, os participantes realizam cânticos de louvor ao Divino Espirito Santo, rezam para purificar a água                                  utilizada para limpar o ambiente e todos os presentes e benzem os alimentos para que se multipliquem e nunca faltem.

            Ciente da importância da celebração da Bandeira do Divino Espirito Santo, a secretária de Meio Ambiente, Turismo, Esporte e Lazer Cláudia Rocha Jorge ressaltou a preocupação do prefeito Bebeto Faria  com a  preservação e manutenção dessa tradição religiosa e cultural. "Assim, fomos fazer o registro fotográfico e documental, visando posteriormente, angariar recursos para o desenvolvimento de projeto que tenha como objetivo manter viva essa importante manifestação de cultura e fé", explicou Cláudia.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

Santos Dumont participa do Seminário Regional do Programa "Bolsa Família"

 

 

 

                O município de Santos Dumont participou do Seminário Regional do Programa Bolsa Família, nos últimos dias 21 e 22, no auditório do Instituto de Ciências Humanas na UFJF. O evento foi organizado pela Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS) da Prefeitura de Juiz de Fora. O objetivo do encontro foi promover a troca de experiências na execução do programa de transferência de renda e contou com a participação de mais de 30 municípios.

                  O grupo representativo de nossa cidade foi integrado pelo secretário Sebastião Luiz Cassete gestor do Bolsa Família e pelos funcionários da Assistência Social: Sandro Walas da Silva, Priscila Oliveira Fonseca, Jucélia Mª Fernandes, Claudia Josiane Alves de Oliveira,Patrícia Ohona Gonçalves , Alice Mendes de Aquino, Aline Mª Barros Chamon, Viatcheslav Maximiano Dusseaux, Jose Fernando Belchior e Marcella Germano, da saúde Maria Aparecida Martins e Luciana Nogueira Almeida e  da educação Delma das Mercês Pereira.

                O Seminário reuniu técnicos e profissionais das áreas de saúde, educação e assistência social, num momento de discussão e aprimoramento das atividades necessárias à execução do Bolsa Família, no intuito de oferecer o melhor serviço ao cidadão. A palestra inaugural foi proferida pelo superintendente de Assistência Social e coordenador do Programa Bolsa Família da Secretaria do Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social - Sedese, Ronaldo José Sena Camargo, que dimensionou o papel do estado no apoio técnico aos municípios mineiros, esclarecendo sobre a fiscalização no cumprimento das condicionalidades do programa e a busca ativa para inclusão de famílias no CadÚnico.

                Durante o Seminário foi aberto um espaço para os municípios participantes mostrarem sua bagagem sobre o Programa Bolsa Família e relatarem o trabalho desenvolvido por eles. Sandro Walas representante do programa em nossa cidade foi o primeiro a ser convidado a compartilhar a estratégia usada no município para o sucesso do programa e apresentou um breve relato das ações desenvolvidas aqui, incluindo as busca ativas e o recadastramento na zona rural e urbana. "Realizamos um estudo detalhado do público e suas necessidades, hoje conseguimos atender a todos prontamente, com uma equipe específica. A busca ativa só  foi efetiva graças à centralização das ações e uma pesquisa de opinião sobre o que estávamos fazendo", explicou Sandro.

                Feliz com a participação positiva de nosso município no evento, o  prefeito Bebeto Faria elogiou o compromisso do secretário Sebastião Cassete e dos funcionários da sua pasta nas iniciativas que buscam a melhoria dos programas voltados para a população carente de Santos Dumont e parabenizou o funcionário Sandro Walas  pelo brilhantismo de sua exposição.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

Inauguração da nova E.M. Cíntia Boza

 

 

            Uma tarde festiva marcou a entrega da nova sede da Escola Municipal Profa. "Cíntia Boza da Silveira Souza" a comunidade sandumonense. A cerimônia aconteceu no último dia 21 com a abertura da nova escola a comunidade São José Operário e Glória presidida pelo prefeito Bebeto Faria e pela secretária Municipal de Educação e Cultura Cleire Maria Calderaro Nagib. A nova E.M. "Cíntia Boza da Silveira Souza" abrigará ainda a Creche São José Operário.

            Depois de uma grande obra de reforma e ampliação, o antigo Curumim foi totalmente remodelado e transformado para atender as exigências físicas de uma escola convencional de educação com construção de 6 salas de aulas, 1 berçário, 1 sala de coordenação,  banheiros, cantina,  horta escolar, área de recreação  e quadra para jogos.

Momento homenagea professora Cíntia Boza

            A solenidade de inauguração contou com a presença dos familiares da professora Cíntia Boza da Silveira Souza que receberam as homenagens pós-morten e ouviram as palavras de carinho da secretária Cleire Maria Calderaro Nagib.         Cleire lembrou a professora dedicada, amiga e respeitável que foi Cíntia e expressou sua satisfação em conseguir, não só a regularização de funcionamento da escola Cíntia Boza e da Creche São José, que estavam fadadas ao fechamento, mas ainda de abrigá-las em local digno, com espaço e dependências adequadas ao bom desenvolvimento das crianças assistidas.

            Em sua fala, a vice- prefeita Luiza Garcia lembrou que como foi nascida e criada no bairro, sabe reconhecer a grande conquista que representa essa obra para as crianças e para as mães que poderão ir trabalhar tranquilas deixando seus filhos seguros. "Agradeço o prefeito Bebeto Faria essa grande conquista, por que sei das dificuldades encontradas pelos moradores daqui. Todas as melhorias feitas na comunidade refletem em mais qualidade de vida para a população".

Prefeito agradece a Deus por mais uma promessa cumprida e afirma que em Santos Dumont problemas são resolvidos no dia-a-dia

            Para o prefeito Bebeto Faria, essa é mais uma promessa cumprida, uma benfeitoria realizada,  que trará melhoria de vida para a comunidade São José Operário e bairro Glória. "Queremos fazer uma cidade melhor, investindo principalmente na educação, porque só assim transformaremos o país". Bebeto ressaltou que  apesar da crise vivida em todos os municípios, seu governo vem trabalhando incansavelmente, resolvendo os problemas dia-a-dia, e que Deus está a frente das ações protegendo a cidade". Assim, o prefeito agradeceu o esforço de todos para a realização dessa grande conquista e em especial agradeceu a parceria da MF Empreendimentos Imobiliários que colaborou para a concretização da reforma.

            Contando com a presença de autoridades, comunidade local, representantes religiosos, professores e profissionais da área de educação, a cerimônia prosseguiu com as bênçaos das dependências pelo pároco da Matriz Nossa Senhora da Glória Padre Celso e pelo pastor Metodista Jânio Quadros. A cerimônia prosseguiu com uma homenagem as professoras e funcionárias da escola supervisora Deiviane Priscila Amaral Araújo, Silvia, Lidiane, Oneida, Andréia, Tatiane, Silvana, Imaculada e Elisete. E depois da visita as instalações da escola, foi servido um saboroso lanche a todos.

Escola Municipal Cíntia Boza da Silveira Souza

            A nova E.M. Cíntia Boza da Silveira Souza vai funcionar em horário integral, manhã e tarde, atendendo cerca de 96 crianças em  turmas de 1º período e de 2º período, turmas integrais de Maternal I e II e bebês no Berçário, onde as crianças receberão carinho, atenção, educação e farão 6 refeições por dia.

            Contente com o amplo espaço que as crianças terão na nova escola, a supervisora Deiviane  Priscila explicou que a escola fica em um ponto importante do bairro da Glória, que atenderá toda a comunidade São José Operário e adjacências, ajudando as mães a trabalharem tranquilas e  tirando as crianças de situações de risco. "Procuraremos  oferecer ensino de qualidade, buscando sempre a participação das famílias interagindo no processo de educação".

            A placa comemorativa da data foi descerrada pelo prefeito Bebeto Faria, pela secretária Cleire, pela vice prefeita Luiza Garcia dos Santos e pelos familiares da professora Cíntia, sua mãe Ieda Boza e o viúvo Alexandre Silveira e Souza.

            O momento foi prestigiado pela presença do presidente da Câmara Felipe Chaves e demais vereadores, pela presença dos secretários Rodrigo Corrêa, Dalton Abud, Paolo Peduzzi, Sebastião Cassete, Thaís Gomes, Sérgio Batalha, Cláudia Rocha Jorge, Sebastião Deon, Luiz Cláudio Ribeiro e demais assessores, pela representante do Comunidade São José Operário Elenice, por autoridades e representantes de entidades e pela comunidade local.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

Conferência Municipal "Planejamento a próxima década"

 

 

        A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura promoveu no último dia 27,  a Conferência Pública "Planejando a próxima década da educação sandumonense - Plano Municipal de Educação". O evento aconteceu no Grêmio Mário de Lima e reuniu professores  da rede municipal, estadual e particular de educação para discutirem, opinarem e  validarem os objetivos e metas propostas, dando continuidade aos trabalhos de elaboração do documento base que resultará no Plano Municipal de Educação e será enviado para aprovação na Câmara.

Conferência: Momento de discussão sobre as prioridadades da educação, garantia de direitos e a melhorias para educandos e profissionais da educação

            Em seu discurso de abertura, a secretária Municipal de Educação e Cultura, Cleire Maria Calderaro Nagib ressaltou que este é um momento importantíssimo para o fortalecimento da rede educacional de nosso município, onde o objetivo principal é responder às necessidades educacionais locais, buscando melhorias e proporcionando metas e ações em estratégias de curto, médio e longo prazo. "A construção coletiva do PME e a sua implementação mudarão a forma como os gestores e a comunidade lidam com as políticas educacionais. Temos que pensar nessa idéia de continuidade das políticas, privilegiando o planejamento sempre a partir de um diagnóstico participativo dos envolvidos", enfatizou Cleire.

            O Plano Municipal de Educação é um instrumento importante da política educacional formado por reflexões, intenções e compromissos que respondem as demandas reais da educação no município e orienta as ações a serem desenvolvidas, dentro de objetivos, metas e diretrizes, para a próxima década.

O Plano vem sendo elaborado desde o ano passado por uma equipe técnica de professores

            O Plano está sendo trabalhado desde agosto de 2014 por uma equipe técnica nomeada, com representantes dos segmentos educacionais do município, formando 11 Câmaras específicas: Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio, Educação de Jovens e Adultos, Educação Superior, Educação Especial, Educação do Campo e Quilombola, Educação Profissional, Valorização dos Profissionais da Educação, Gestão das Escolas e do Sistema, Financiamento da Educação, que representam 20 metas.

            Durante a Conferência, a chefe do Departamento de Educação Denise Beatriz explanou sobre as metas oficiais estabelecidas no Plano Nacional de Educação; o diretor Executivo da Fundação Educacional São José professor Francisco Gomes Barroso fez uma apresentação a respeito da Faculdade de Santos Dumont, representando o ensino superior em nossa cidade e a chefe de Divisão da Educação Patrícia Alvim falou sobre a formação e valorização dos profissionais do Magistério.

            Após as apresentações, o público participante foi dividido em grupos compondo as câmaras representativas, numa última oportunidade de elaboração de novas propostas e ou alteração do texto inicial e pequenos adendos. Concluídos  os trabalhos,  o documento final será condensado pela Secretaria de Educação e formatado como proposta do PME  do município de Santos Dumont para aprovação da Câmara. 

Prefeito vê a Conferência como importante momento de fortalecimento da rede educacional

            Convidado a fazer a abertura oficial da Conferência,  o prefeito Bebeto Faria afirmou que a Conferência expressa plenamente os fundamentos que marcam a relação e o compromisso da atual gestão municipal com a sociedade sandumonense."Trata-se de  uma relação caracterizada pelo respeito às formas avançadas e factíveis de participação da cidadania na gestão pública. Diálogo amplo, aberto e intensivo, tendo como fundamento o planejamento e a execução de políticas que respondam aos verdadeiros anseios da população em relação à educação aqui oferecida. O município de Santos Dumont, representado pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura assumiu a incumbência de gerenciar o processo de construção do Plano Municipal de Educação, nos responsabilizando perante a sociedade, perante as leis e os outros poderes. Temos a premissa que não poderá haver desenvolvimento sem que haja desenvolvimento social e a educação com sua função social apresenta-se como fator crucial de desenvolvimento de nosso município e de toda a nação", enfatizou Bebeto.

Tida Grillo

Jornalismo PMSD

Horários de atendimento

Saiba os melhores horários
para entrar em contato conosco

Segunda a sexta: 12hrs às 18hrs 
Final de semana: Fechado

Durante esses horários estaremos à sua
disposição para lhe atender

Nossa sede

  • Demo

    Centro

    Pça Cesário Alvim, 2

Demo

Contato e localização